terça-feira, agosto 08, 2017

CEO fala que Ferrari não deve prejudicar sua imagem caso opte por lançar um utilitário esportivo


A Ferrari parece que não vê nenhum problema em lançar um utilitário esportivo nos próximos anos. Segundo Sergio Marchionne em entrevista a Reuters, a Ferrari desenvolve um SUV com espaço para quatro ocupantes com objetivo de aumentar seu lucro, o que fez com que entusiastas e investidores preocupados. Porém o modelo seguiria com a função de ser um esportivo e não um modelo para encarar trilhas no fim de semana. "Seja como for, será do mesmo calibre de tudo que já fizemos", afirmou Marchionne. O projeto ainda precisa do sinal verde para seguir adiante e isso é incerto. Se por um lado tem investidor com bons olhos no lucro, outros acreditam que isso pode manchar a imagem da marca, como se fosse uma traição. Vale destacar que a Lamborghini já confirmou seu SUV que chega ainda em 2017, o Urus. Atualmente a marca italiana opera quase que em capacidade máxima e deve revelar seu projeto desenvolvimentista dentro de alguns meses, previsto para antecipar os passos da marca até 2021. Dentro da Ferrari, o modelo é tratado com codinome e posicionamento definidos o modelo já tem: atende internamente por "F16X" e é apontado como um veículo capaz de oferecer mais espaço e conforto que a atual GTC4Lusso.


Nenhum comentário:

Postar um comentário