terça-feira, junho 27, 2017

Lotus pode passar a produzir também na China como forma de expandir mercado e aumentar lucros


A produção de carros esportivos na China parece que receber a lendária Lotus muito em breve. Segundo Li Shufu, CEO da Geely, a produção pode se manter Reino Unido e a China se tornar a segunda fábrica da marca, como forma de diminuir os custos. A Lotus já tinha negociado a produção no país asiático antes mesmo de ser comprada pela Geely, dando início a sua expansão que poderia atrair futuramente novos rivais. Agora, a nova controladora diz que é possível que uma parte da produção saia diretamente do país. Apesar de lucros, a Lotus não consegue expandir seu lineup e muito menos atualizar os modelos que estão em linha. A decisão de fazer na China poderá elevar enormemente as vendas locais e assim garantir o financiamento de projetos futuros, que incluem uma nova geração para Elise e Exige, assim como um crossover de alta performance.


Nenhum comentário:

Postar um comentário