Volkswagen quer ultrapassar a Tesla em vendas de automóveis elétricos até 2025 com linha ID


Atualmente líder de mercado, a Tesla se tornou o grande exemplo a ser batido no mundo. Não é diferente para a Volkswagen, que quer se tornar a líder entre os elétricos. De acordo com o chefe da marca alemã, Herbert Diess, a marca se prepara para vender um milhão de carros elétricos até 2025, superando assim a Tesla. A intenção da Volkswagen é que a marca se torne a “líder do mercado global em mobilidade eletrônica” dentro de oito anos. Durante uma entrevista ao Financial Times, Diess afirmou que “qualquer coisa que a Tesla pode fazer, podemos superar”. Com planos ambiciosos, a Volkswagen destacou que a Tesla quer vender 1 milhão de unidades até 2020, mas em pleno 2016 foram apenas 80.000 unidades. Para liderar nas vendas de automóveis elétricos, a Volkswagen vai focar no desenvolvimento de modelos inéditos construídos a partir da nova plataforma MEB, desenvolvida exclusivamente para carros movidos a eletricidade. Isso deve incluir o hatch compacto ID, a perua ID Buzz e o crossover ID Crozz, todos já apresentados como conceitos.


Fonte: Auto Express

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Volkswagen deve trazer Jetta GLi ao Brasil, com motor 2.0 TSI melhorado para 220cv

Versão de maior sucesso do sedã francês da Citroën, C4 Lounge Live esgota em dois meses

Picape do Fiat Mobi inicia bateria de testes e deve ser lançada em meados de 2019

BMW lança o X2 no Brasil, opção descolada ao X1, em duas versões com preço inicial de R$211.950

Ford confirma retorno da Ranger XL, destinada especialmente para frotistas e produtores rurais

Volkswagen lança nova geração do Tiguan no Brasil com carroceria AllSpace por R$124.990

Reestilizado, Chevrolet Cruze já roda em testes no Brasil e deve ser lançado em 2019

Face-lift de Renault Sandero e Logan é adiado para o primeiro semestre de 2019

Hyundai Santa Cruz será do tamanho da Fiat Toro e é confirmada para 2020 nos EUA

Revista confirma face-lift de Volkswagen Gol e Voyage ainda no 1º semestre e Saveiro muda no 2º