Nissan começa a produzir Kicks em Resende (RJ) depois de oito meses do seu lançamento no Brasil


Lançado no Brasil em Agosto de 2016, a Nissan já produz o Kicks na fábrica de Resende (RJ). Nestes oito meses do modelo importado, o Kicks se tornou um dos modelos mais importantes do segmento, mas agora chega a vez de querer algo maior. A produção do modelo em Resende significa o investimento de R$750 milhões, novos equipamentos para a linha de produção e 700 trabalhadores a mais na fábrica. "A produção do Nissan Kicks em Resende é o resultado da união da grande capacidade profissional dos nossos funcionários com o que há de mais moderno em termos de tecnologias e processos de produção", afirma Hitoshi Mano, vice-presidente de Manufatura da Nissan América Latina. A unidade de Resende (RJ) recebeu mais de 150 novos equipamentos e novas áreas na linha de produção e na inspeção de qualidade especificamente para atender ao Nissan Kicks brasileiro. Só o processo de pintura conta com um sistema automatizado sustentável em que são utilizados 10 robôs de alta tecnologia e também operadores especializados. Entre os novos processos, destaque para a pintura em dois tons, com o teto flutuante e de cor diferente do restante da carroceria, chamada de "2-tone". Junto com a produção nacional do Kicks chegará a versão de entrada, a S, que deve diminuir seu preço para a casa dos R$72.000 com câmbio manual e cerca de R$77.000 com câmbio CVT. Com a produção nacional, a Nissan espera que o modelo assuma a vice-liderança do segmento, mas tem chances de assumir a liderança, já que a diferença entre o Kicks e o líder HR-V é inferior a 1.000 unidades, que a partir de agora não serão mais limitadas pelo governo.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Volkswagen deve trazer Jetta GLi ao Brasil, com motor 2.0 TSI melhorado para 220cv

Versão de maior sucesso do sedã francês da Citroën, C4 Lounge Live esgota em dois meses

Picape do Fiat Mobi inicia bateria de testes e deve ser lançada em meados de 2019

BMW lança o X2 no Brasil, opção descolada ao X1, em duas versões com preço inicial de R$211.950

Ford confirma retorno da Ranger XL, destinada especialmente para frotistas e produtores rurais

Volkswagen lança nova geração do Tiguan no Brasil com carroceria AllSpace por R$124.990

Reestilizado, Chevrolet Cruze já roda em testes no Brasil e deve ser lançado em 2019

Face-lift de Renault Sandero e Logan é adiado para o primeiro semestre de 2019

Hyundai Santa Cruz será do tamanho da Fiat Toro e é confirmada para 2020 nos EUA

Revista confirma face-lift de Volkswagen Gol e Voyage ainda no 1º semestre e Saveiro muda no 2º