sábado, abril 29, 2017

Citroën apresenta o C5 AirCross no Salão de Xangai, na China, o primo "ousado" do Peugeot 3008


A Citroën revelou oficialmente o C5 AirCross no Salão de Xangai. Com seus 4,50 metros de comprimento, 1,84 metro de largura, 1,67 metro de altura e 2,73 metros de entre eixos estão calçados sobre amortecedores hidráulicos progressivos montados na suspensão, tecnologia que chamou a atenção da imprensa europeia que andou em protótipos do C4 Cactus. Com 20 patentes registradas e permite compressão com dissipação de energia e retorno suave nos amortecedores à posição original, alterando o comportamento dinâmico do Citroën C5 Aircross, garantindo assim muito maciez ao rodar, mas sem perder a estabilidade. Além disso, garante melhor absorção de irregularidades. Produzido sobre a plataforma modular EMP2, a mesma usada pelo Peugeot 3008. Entre os destaques estão os faróis duplos e LEDs diurnos com repetidores também em LED separados por uma barra horizontal, que também cria duas grades. O para-choque tem duas bocas mais próximas do centro da peça, enquanto as extremidades apresentam entradas de ar adicionais. De lado, o Citroën C5 Aircross vem provavelmente com os Airbumps na base das portas, devidamente estilizados e em harmonia com as entradas apresentadas no para-choque. As colunas C grossas, possuem vigias bem ocultas no acabamento preto.


Frisos cromados envolvendo as janelas dão uma boa impressão visual ao conjunto. No teto, barras também com estilo bem moderno chamam atenção. Na traseira, as lanternas em LEDs 3D chamam atenção, enquanto as saídas de ar podem ser vistas na lateral, também. O para-choque traseiro conta com escapes retangulares e cromados. No interior, destaque para os difusores de ar duplos e verticais. A multimídia fica entre dois deles, tendo ainda comandos físicos diversos em dois níveis abaixo. O console é vistoso e tem alavanca em formato de joystick, bem como freio de estacionamento eletrônico, controle de descida, modo Sport, botão de partida e seletor do Grip Control, com cinco modos de condução. O teto solar é panorâmico. Ele conta ainda com quadro de instrumentos digital e configurável, além de um volante multifuncional em couro com formato ovalizado. Os bancos são de couro com formato anatômico e devidamente estilizados, assim como o acabamento das portas. Na mecânica, destaque para o motor 1.6 THP de 165cv de potência e 24,5kgfm, o 1.8 THP de 200cv de potência e um híbrido 1.8 THP de 200cv aliado a um motor elétrico que desenvolvem juntos 300cv de potência. Todas as motorizações contam com câmbio automático de 6 velocidades e tração dianteira.


Nenhum comentário:

Postar um comentário