sábado, março 04, 2017

PSA e Opel/Vauxhall deverão anunciar fusão no Salão de Genebra e deixa Insignia e Crossland X em segundo plano


A PSA está quase abraçando a Opel/Vauxhall para si. O grupo francês deve confirmar sua mais nova adquisição no Salão do Automóvel de Genebra. Assim, os novos Insignia e Crossland X devem ser apresentados em um segundo plano. Falando no Crossland X, ele deve ser o primeiro fruto dessa fusão, sendo que a nova Citroën C3 Picasso é sua irmã de projeto. Ou seja, nada melhor que usá-lo para representar a aquisição da fabricante alemã por parte do grupo. “O nosso plano original é de se concentrar principalmente nos nossos novos modelos emblemáticos, o Insignia Grand Sport e o Insignia Sports Tourer”, disse a Opel em um comunicado oficial. “Dado o atual interesse da mídia na PSA e na Opel, decidimos também apresentar o Crossland X em Genebra, após sua estreia mundial em Berlim no mês passado”, completou. O novo Crossland X “é uma declaração convincente de como a frutuosa colaboração entre as duas marcas resultou em um grande produto”, de acordo com a marca. Parece que a PSA se dispoz ao valor cobrado pela General Motors queria pelas marcas Opel/Vauxhall nos últimos dias: US$2 bilhões. Segundo um relatório do Bloomberg, a GM estaria pedindo o montante para abrir mão de uma das suas maiores parceiras. Em sinergia desde 1929, GM e Opel podem romper mais um ciclo do mundo automotivo nos próximos meses. No caso do negócio, a PSA entrava com US$1 bilhão em dinheiro e mais US$1 bilhão em passivos adquiridos no processo de compra. O processo de compra estava tão avançado que o anúncio da compra foi revelado: 23 de Fevereiro.


Nenhum comentário:

Postar um comentário