segunda-feira, fevereiro 13, 2017

Segunda geração do Renault Duster deve ter motor 1.6 16v SCe Flex com câmbio CVT em 2018


A nova geração do Dacia Duster deve ser lançado ainda em 2017 na Europa. No Brasil seu lançamento deve ocorrer já em 2018 e a Renault trabalha para fazer ambos modelos (Dacia e Renault) sejam mais diferentes que uma mera troca de logotipos. A nova geração deve trazer alguns detalhes diferentes em relação ao modelo europeu, como forma de fazer com que os modelos, mesmo da Dacia, tenham mais cara de Renault. Segundo a revista Carro, o novo Duster deve ser vendido com motor 1.6 16v Flex, acoplado ao câmbio manual de 6 marchas ou automático CVT. Exatamente o mesmo conjunto das versões de entrada do Captur, que usa a mesma mecânica do primo Nissan Kicks. A nova geração já chega como linha 2019, possivelmente no segundo semestre de 2018. O motor desenvolve 120/118cv de potência com torque de 16,2/16kgfm. Ainda não se sabe se o novo Duster deve ser vendido apenas com motor 1.6 para ficar na área de acesso do segmento dos SUVs Compactos, enquanto o Captur contará com opção de motor 1.6 e a mais potente 2.0. Sobre a nova geração do Renault Duster, o utilitário esportivo deve manter a mesma plataforma do modelo atual, a B0, que é a mesma do Captur. Na Europa, o modelo da Dacia pode ser equipado com a plataforma CMF da aliança Renault-Nissan, que é mais leve e deve ajudar na contensão de gastos.


Fonte: CARRO

Nenhum comentário:

Postar um comentário