terça-feira, fevereiro 14, 2017

General Motors pode vender Opel e Vauxhall para grupo PSA Peugeot-Citroën em breve


Surpreendente. Parece que a General Motors deve abrir mão da Opel/Vauxhall e que deve vender as marcas para a PSA. A venda das macas não é de hoje que se cogita. A GM se queixa dos prejuízos da Opel assim como a irmão britânica Vauxhall. Mas as coisas parecem bem melhores agora com a nova geração do Astra fazendo sucesso e o Insignia causando uma boa impressão. Mas parece que as marcas devem mudar de dono. A notícia caiu como uma bomba hoje em todos os portais automotivos ao noticiar que o braço direito da GM tem grandes chances de ser comprada pela PSA Peugeot-Citroën. A fonte nada mais é que da Reuters e Deutsche Press, dois grandes portais automotivos com muito renome no cenário internacional. Além disso, um porta-voz da Peugeot confirmou que as negociações estão em fase avançada. Ainda aguardamos por mais informações sobre o negócio, mas ele certamente tem um parceiro oculto, a Dongfeng, que ajudou a salvar a PSA do buraco em que ela estava e a desenvolver sua nova plataforma compacta, a CMP. O interesse da chinesa em ter mais marcas fortes em seu portfólio é certamente um componente forte da aquisição. Assim, a PSA apareceria mais que uma sócia mas também um elemento chave da negociação. Com produção de 3.248.108 unidades, a PSA deve ingetar cerca de 1,1 milhão a mais (só da Opel, sem dados da Vauxhall) nas suas vendas, encostando na FCA. Falando nesse grupo, o chefão da FCA deve estar louco ao saber desta notícia, deixando escapar seu plano de vender 6 milhões por ano. Caso isso aconteça, poderíamos nós sonhar com a Opel no Brasil vendendo Corsa, Zafira, Astra, entre outros modelos que foram conhecidos apenas como Chevrolet? Seria um sonho que a PSA pode tornar realidade.


Nenhum comentário:

Postar um comentário