terça-feira, fevereiro 07, 2017

Dodge Challenger SRT Demon deve ter apenas banco do motorista para reduzir seu peso em até 105kg


Esperado para o Salão do Automóvel de Nova York, o Dodge Challenger SRT Demon teve mais um detalhe revelado: ele deve ter espaço apenas para o motorista. Ficando entre 91kg a 105kg mais leve, ele deve perder o banco do passageiro dianteiro, juntamente com o conjunto de cinto de segurança que foram retirados para perder peso em 26kg. O assento traseiro também foi retirado, ajudando em uma economia de 24kg. Outro item que foi deixado de lado é o ajuste elétrico da coluna de direção, reduzindo o peso em 1,8kg. Além disso, 23 elementos do isolamento acústico foram dispensados, eliminando mais de 8,1kg, assim como o revestimento do porta-malas e o estepe, tirando outros 9,1kg. A lista inclui ainda freios menores, economizando 7,2kg, e novas rodas exclusivas de 18×11 polegadas, que são 7,2kg mais leves. Há também um sistema de som mais simples, com apenas dois alto-falantes. Seu peso será de 2.018kg, o que deve contribuir para seu desempenho ainda mais endemoniado. A verdade é que a versão Demon deve ser oferecida novamente. Usada pelo Challenger nos anos 70, ela apareceu como conceito no Salão de Genebra de 2007, mas nunca tinha voltado as linhas de produção.  Não há muitos detalhes sobre a configuração, mas a promessa é de um carro “mais potente e rápido”. Ou seja, mais potência e melhor dinâmica, com mudanças em transmissões, suspensão, direção, freios e afins. “O Dodge Challenger SRT Demon foi concebido, desenhado e projetado para a subcultura dos entusiastas, que sabem que o décimo de segundo é um carro de distância e meio segundo é a sua reputação”, disse Tim Kuniskis, chefe das marcas de passageiros da FCA. O motor deve ser o mesmo 6.2 V8 HEMI, com até 800cv de potência.


Fonte: Autoblog

Nenhum comentário:

Postar um comentário