segunda-feira, novembro 14, 2016

Hyundai ix35 chega a linha 2017 no mercado com novidades para ficar mais econômico e parte de R$99.990


A Hyundai está apresentando a linha 2017 do ix35 no mercado brasileiro. Enquanto apresentar novidades no Salão do Automóvel de São Paulo, o ix35 ganha novidades para se manter atraente frente aos novos rivais. Ele ganha novos itens de série que o deixam mais econômico que o modelo 2016. As versões GL e GLS estreiam duas novas tecnologias: sistemas Start/Stop e TMPS (Tire Pressure Monitoring System) para monitoramento da pressão nos pneus. Além das novas tecnologias, o modelo passa a contar com pneus de baixa resistência à rolagem. O sistema Start/Stop ou Idle Stop&Go entra em atividade sempre que o motor estiver em funcionamento e a velocidade do veículo for inferior a 5 km/h. O dispositivo interrompe automaticamente o funcionamento do motor até que o motorista retire o pé do pedal de freio, indicando que haverá retomada do deslocamento do veículo. Caso deseje, o motorista poderá ativar ou desativar o Sistema Start/Stop acionando um botão situado no lado esquerdo do painel de instrumentos. O projeto de implementação do sistema Start/Stop foi desenvolvido pela Hyundai Motor Company em parceria com o Centro de Pesquisa e Eficiência Energética (CPEE).


Sua adoção leva a uma economia no consumo de combustível no ciclo misto de até 14%, conforme as normas ABNT 6601 e ABNT 7024, e a uma melhoria de 12% no índice de eficiência energética, segundo dados validados pelo PBEV (Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular), além de uma significativa redução nos níveis de emissão de CO2. O Hyundai iX35 é o primeiro modelo do seu segmento a ser equipado de série com o sistema Start&Stop. Já o TPMS (Sistema de Monitoramento de Pressão dos Pneus) utiliza sensores nas válvulas dos pneus para verificar a pressão e informar ao condutor, por meio de uma luz indicadora no painel de instrumentos, se a mesma está acima ou abaixo do especificado. O aviso do pneu com pressão baixa surge logo após a ignição ser ligada na posição ‘ON’, caso um ou mais pneus estejam abaixo da pressão ideal. Este monitoramento e a consequente utilização da correta pressão dos pneus, ajuda na economia no consumo de combustível e, leva também a uma sensível redução na emissão de poluentes. Além disso o utilitário passa a vir com novos pneus de baixo atrito da Michelin, chamado de Primacy3 nas medidas 225/55R18 com baixa resistência à rolagem, o que contribui ainda mais para sua economia de combustível. Os preços não se alteram e continuam de R$99.990 a R$129.990.


Nenhum comentário:

Postar um comentário