Novo Hyundai HB20 deve se inspirar no i20 europeu e chega até 2020 no mercado


Prevista para ser lançada entre 2019 e 2020, a segunda geração do Hyundai HB20 deve ter claras inspirações no recém reestilizado i20 europeu. O hatch compacto premium deve cedeu inspiração para as linhas do hatch e o sedã compacto nacionais. Perto de completar seis anos de mercado, HB20 e HB20S chegou com a missão de representar uma nova fase dos compactos brasileiros. A fim de manter os modelos atuais e com a mesma competividade que teve no início das vendas, ele deve ter linhas mais clássicas. Entre as principais novidades do i20 2019 estão na traseira, que teve a placa transferida do para-choque para a tampa do porta-malas, além de ganhar novas lanternas maiores, enquanto a dianteira ganha grade frontal e entrada de ar inferior foram redesenhadas, enquanto os faróis ganham feixe de LEDs na parte inferior. Entre os itens de série, todas as versões passam a ser equipadas com sistema stop/start de desligamento do motor em paradas curtas. Aqui, o novo HB20 deve trazer mais itens de segurança nas versões mais caras e tem tudo para crescer alguns centímetros nas dimensões. A mecânica deve se manter praticamente a mesma que conhecemos hoje. 


Fonte: Jornal do Carro

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Reestilizada, Chevrolet Spin é flagrada sem camuflagem, em cegonha, a caminho da Argentina

Depois de dois anos ausente, SsangYong Korando volta reestilizado por R$129.900

Ford confirma lançamento do Ka em julho com preço inicial de R$45.490, R$710 mais caro

Nova geração do Fiat Ducato já é vendido com descontos que chegam a R$21.307

Volvo inicia pré-venda da nova geração da V60, em versão única, por R$199.950

Jeep confirma SUV de 7 lugares e um SUV abaixo do Renegade para a América Latina

Fora do Brasil desde 2014, Volkswagen apresenta nova geração do Bora na China

Honda revela nova geração do Brio em agosto, durante o Salão do Automóvel da Indonésia

Jeep Renegade ganha teaser e estreia motores 1.0 e 1.3 Turbo na Europa

Fiat "acorda pra vida" e deve ter três SUVs no mercado brasileiro até 2022, segundo plano