SUV da Lotus terá plataforma SPA da Volvo, com motor 2.0 e-Drive de até 408cv de potência


A Lotus parece que confirmou qual deve ser a base do seu primeiro utilitário esportivo. Previsto para ser lançado em meados de 2019 e 2020, o SUV deve usar a mesma plataforma dos modelos da Geely, Lynk&Co e Volvo. A plataforma escolhida foi a SPA, usada atualmente por Volvo XC60 e XC90 e que em breve deve ter usada por Geely e Lynk&Co. A informação foi revelada por Jean Marc Gales, CEO da Lotus. O SUV da marca britânica deve ter cerca de 4,70 metros de comprimento, onde a equipe de engenharia da Lotus faria um ajuste específico e adaptaria a base nos moldes da marca britânica. A oferta mecânica será limitada a motores de quatro cilindros em linha, o que tudo indica que a Lotus deve usar o motor 2.0 e-Drive Turbo, que desenvolve até 408cv com o conjunto híbrido e 320cv com gasolina. Enquanto o trabalho técnico já tenha começado, o projeto final ainda não está terminado e se espera que tudo se conclua nos próximos dois meses. Além disso, os registros de patente presentes aqui no post não são do modelo finalizado. Eles devem antecipar as linha do SUV, mas não serão fielmente iguais.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Volkswagen confirma detalhes do seu novo compacto para substituir atuais Gol e up!

Porsche anuncia chegada da terceira geração do Cayenne por R$423.000

Junto do Fiat Punto, Alfa Romeo MiTo também deixa de ser produzido na Itália

Tesla confirma inédito hatch elétrico para ser apresentado em meados de 2022

EUA: Subaru Ascent terá recall de 293 unidades que terão que... ser destruídas

Segredo: Jeep Renegade reestilizado do Brasil terá o mesmo design do Trailhawk europeu

Segunda geração do Hyundai HB20 é flagrada definitivo em testes na Coreia do Sul

Agora como SUV, Ford Maverick deve ser produzido sobre plataforma do Focus

Chevrolet Cruze ganha versão LS na Argentina, com câmbio manual de 6 marchas

Com câmbio automático, Ford apresenta o reestilizado Ka Sedan por R$49.490