Sucesso com cluster digital do Polo atrasa lançamento do reestilizado Volkswagen Golf


O face-lift do Volkswagen Golf era para ter acontecido no ano passado. Depois disso, ficou para janeiro. Agora, a Volkswagen pretende lançar o hatch médio reestilizado neste mês de abril. Os atrasos tem um motivo. Segundo o site Motor1 Brasil, o carro está pronto para ser lançado, mas o quadro de instrumentos digital atrasa a chegada do hatch no nosso mercado. Segundo a Volkswagen, existe uma grade demanda pelo opcional do Polo e que no Golf, ao que tudo indica, deve ser um item de série. A informação foi revelada por Pablo Di Si, presidente da Volkswagen da América Latina. Com espera de até 60 dias para Polo e Virtus com o opcional, isso acabaria repercutindo em mais filas de espera pelo Golf. Segundo o executivo, "o painel digital é realmente um sucesso e temos uma demanda reprimida para atender". A ideia da marca é aguardar a normalização do fornecimento para seguir com os lançamentos.  O segundo Volkswagen mais vendido da história ganha novos faróis duplos de LED com LEDs diurnos redesenhados, tendo ainda um friso cromado que se harmoniza com um dos DRL´s. O para-choque também foi alterado, ganhando aspecto mais moderno. O protetor traseiro também foi atualizado. Já na traseira o arranjo interno das luzes foi reformulado e todas as versões saem de fábrica agora com LEDs. Por fim, o para-choque foi levemente redesenhado, assim como as saída de escape. Rodas com layout inédito completam o pacote. Na cabine, o quadro de instrumentos digital de 12,3 finalmente chega ao Golf. O recurso já está presente nos novos Passat, Tiguan e outros, e permite a escolha de pelo menos cinco configurações diferentes (incluindo o modo especial de negação). Além disso, o sistema de entretenimento foi completamente revisto e agora atende pelo nome Discover Pro. Há tela de 9,2 polegadas sensível ao toque, maior resolução e suporte para comando por gestos (primazia no segmento). O hatch segue sendo paranaense e a station, mexicana. O Golf deve ganhar opção de câmbio automático de 6 velocidades para o motor 1.0 TSI, que deve ser o substituto do 1.6 MSI. Aqui, espera-se preços entre R$85.000 a R$140.000.


Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Volkswagen deve trazer Jetta GLi ao Brasil, com motor 2.0 TSI melhorado para 220cv

Volkswagen Golf reestilizado pode atrasar, de novo, e ficar para meados do segundo semestre

Volkswagen estuda expandir fábrica de São Bernardo do Campo (SP), que produz Polo e Virtus

Ford confirma retorno da Ranger XL, destinada especialmente para frotistas e produtores rurais

Ford Ranger Raptor custa 25% a mais que versão Wildtrak, antiga opção topo de linha

SWM apresenta o seu primeiro SUV, o GoOne, e é apresentado no estádio do Inter de Milão

Hyundai desenvolve a linha N-Line, que estreia primeiro no i30, como opção abaixo da N-Spec

Atual Suzuki Jimny sai de linha no exterior mas se mantém no Brasil por mais um tempo

Jeep descarta desenvolvimento de crossovers e reafirma suas capacidades para offroad

Jaguar diz que um futuro J-Pace é possível e dá a entender que SUV já está em desenvolvimento