segunda-feira, agosto 07, 2017

Tesla valoriza US$3,2 bilhões após lançamento do Model 3 e o aumento da fila de espera pelo sedã


A Tesla parece que deve colher mais frutos positivos que negativos com o lançamento do Model 3. O modelo, que já conta com mais de 300.000 pedidos nos EUA, entra para a história como um dos automóveis mais aguardados dos últimos anos. Fora isso, a tesla valorizou US$3,2 bilhões com o lançamento do sedã Model 3, que era tido como incerteza para a ainda novata Tesla. Os investidores também veem o Model 3 como um sucesso da Tesla. Na última semana, as ações da empresa valorizaram US$3,2 bilhões, ou seja, 6% do valor total. Após a valorização, o CEO da empresa, Elon Musk, confirmou que a Tesla passaria por um "inferno na produção", já que era preciso atender cerca de 400 mil consumidores e os pedidos aumentavam diariamente. Isso fez com que as ações caíssem, mas já no dia seguinte (02/08), Musk revelou que os interessados pelo Model 3 chegasse a cerca de 1,8 mil unidades a mais por dia, o que fez com que o investimento retornasse. Os 6% desta quinta se somam aos 52% que a marca já havia ganhado em valor de mercado neste ano. Vendido por US$35.000 sem benefícios fiscais (o completo pode chegar a US$59.000), o Model 3 lembra bastante o Model S no sei design, o que é bom para o desempenho do Model 3. O sedã mede 4,69 metros de comprimento, 2,87 metros de entre-eixos, 1,85 metro de largura e 1,44 metro de altura, com espaço para o porta-malas de 425 litros nos dois repartimentos: dianteiro e traseiro. Com carroceria feita em um misto de aço e alumínio, o Tesla Model 3 tem estrutura rígida o suficiente para receber 5 estrelas no NHTSA e aparentemente o TSP no IIHS.


Nenhum comentário:

Postar um comentário