sábado, agosto 05, 2017

Ford desenvolve um Fiesta de baixo custo para emergentes, já que modelo europeu é "caro demais"


A Ford já desenvolve um substituto para o New Fiesta nos mercados emergentes. O compacto deve ser lançado para Brasil, China, Índia e possivelmente, a Rússia. O modelo deve usar a mesma plataforma do Ka. Projetado para a Europa, a nova geração se tornou cara demais para países como o Brasil, por exemplo. A saída é desenvolver um modelo mais simples na plataforma, mas mais refinado que o Ka/Figo. Esse novo hatch, apontado pelo Autocar como um futuro rival do Hyundai i20 e Suzuki Baleno, ficará acima do Ka (lá conhecido como Figo) e será um sucessor do Fiesta. Conhecido internamente como B563, o modelo deve dar origem a um hatch e um sedã compacto premium. Segundo o Autocar Índia, “O Fiesta (plataforma B299) é essencialmente um carro feito para a Europa e o custo da estrutura é muito alto para a Índia, tornando-o inviável. A plataforma B563 nos permite ser muito mais rentáveis, o que é a chave para ter preços competitivos na Índia”, revela uma fonte ligada à Ford. O custo foi o mesmo motivo que fez com que a Ford Brasil desistisse do modelo europeu. A nova geração é prevista para meados de 2020/2021 e o face-lift do final deste ano deve segurar as pontas até lá. O plataforma do nosso modelo deve ser chamada de B500, usada por alguns modelos chineses. Por aqui, o modelo tem chances de manter o nome Fiesta, que é forte no mercado. Na mecânica, o modelo seria equipado com os conhecidos motores 1.5 12v TiVCT e o 1.0 12v EcoBoost, com opção de câmbio manual ou automático de 6 velocidades.


Fonte: Autocar Índia

Nenhum comentário:

Postar um comentário