terça-feira, agosto 01, 2017

Além do novo Phantom e Cullinan, Rolls-Royce desenvolve novos modelos sem perspectiva de aumentar vendas


A Rolls-Royce deve partir para o ataque no segmento de luxo nos próximos anos. A fileira foi puxada pelo Phantom, que chega a sua oitava geração e em breve deve se unir o primeiro utilitário esportivo da marca inglesa, o Cullinan. Porém as novidades não devem parar por aí. A intenção da Rolls-Rouce é oferecer uma gama mais ampla de modelos para atender público de diferentes segmentos. Apesar de lançar mais modelos, não é a intenção da marca ganhar em volume de venda, revela o chefe da RR, Torsten Müller Ötvös: “Os clientes não querem ver outros Rolls-Royces”. No ano passado, a fabricante fechou com pouco mais de 4 mil carros de luxo entregues. A meta é chegar a 5 mil unidades em 2019, quando o Cullinan for lançado. A marca ainda deve abrir espaço para Wraith e Dawn ao retirar de linhas as versões coupé do Phantom, enquanto o Ghost deve seguir como modelo de acesso da Rolls. Ainda não se sabe quais modelos estão previstos para chegar nos próximos anos além de utilitário esportivo. O que se sabe é que eles devem usar a plataforma feita em alumínio em todos os novos modelos, a fim de diminuir o peso e aumentar a eficiência energética.


Fonte: Autocar
Foto: AutoExpress

Nenhum comentário:

Postar um comentário