Ferrari passa a estudar a possibilidade de ter um SUV e desenvolve um modelo para 2021, segundo revista


Parece que a Ferrari deve ceder aos encantos dos utilitário esportivos. Depois de ver a Bentley e a Lamborghini confirmarem seus modelos, a marca italiana não poderia ficar de fora do segmento mais lucrativo dos últimos anos. Se anteriormente Sergio Marchionne era consiso em dizer que a Ferrari não teria nenhum SUV, agora não se pode dizer o mesmo. Segundo a revista Car, o veículo já se encontra em fase de desenvolvimento e é conhecido pelo código F16X e pretende lançar em 2021. Segundo a matéria, o F16X pode dividir a mesma plataforma do substituto do GTC4Lusso, que deve ser revelado em 2020. O conjunto propulsor será um sistema de tração integral com motor V8 aliado a um motor elétrico, resultando num conjunto híbrido. Indo mais a fundo, parece apenas uma versão alta da atual GTC4Lusso T, mas o F16X deve quebrar a tradição da Ferrari, sendo um modelo com cinco portas. Segundo a Car, ele não deve ter coluna B e terá portas suicidas. O boato da Ferrari ter um SUV já são bem antigos e os executivos da marca sempre negaram a história. Para tirar o de Marchionne "da reta", a saída da FCA era apresentar o modelo como um CUV e não um SUV.


Fonte: CAR

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Nova geração do Subaru XV Crosstrek chega com duas versões ao Brasil e parte de R$114.900

RAM 1000 ganha sinal verde para produção e deve ser lançada globalmente até 2022

Chevrolet estuda um novo utilitário esportivo para o Brasil e Suburban era uma das opções

Volkswagen entra para o mundo VUC com Delivery Express por R$118 mil iniciais

Alfa Romeo vê potencial de vender 10 mil unidades no Brasil e analisa retorno ao país

Sem novidades, BMW apresenta a linha 2019 do M140i com preço maior, por R$269.950

TOP 100: Volkswagen Tiguan volta ao ranking com nova geração e Suzuki Vitara cai

CAuto #75: Volkswagen emplaca nome Polo em sua terceira tentativa no Brasil

Toyota apresenta o Yaris Hatch no Brasil com preços que começam em R$59.590

Depois de dois anos ausente, SsangYong Korando volta reestilizado por R$129.900