Com renovação da linha, Volkswagen espera ser líder (novamente) do Brasil em meados de 2020


A Volkswagen confirmou em uma recente entrevista ao site AutoData que o terceiro lugar que atualmente ocupa no mercado brasileiro "não é o lugar para a Volkswagen". A marca revelou que até 2021, toda a sua linha deve ser renovada e os primeiros frutos dessa renovação serão lançados a partir de outubro/novembro deste ano com a chegada do novo Polo, que passa pelo Virtus no primeiro trimestre de 2018, pelo T-Cross no segundo semestre, pelo T-Roc em 2018 e pela picape compacta-média a ser lançada em 2019. Com esses cinco modelos inéditos, a meta da Volkswagen é voltar à liderança do mercado nacional até 2020, segundo o presidente David Powels. "Ser terceiro no Brasil não é lugar para a Volkswagen" disse o mandatário, que comentou ainda que já espera retomar a segunda colocação em 2018 com o Polo e o Virtus. A missão dada a Powels desde a sua chegada ao cargo, em 2015, era fazer com que a Volkswagen voltasse aos seus tempos áureos. "A matriz quer que sejamos rentáveis, a liderança é consequência", explica. Nesta ano a VW deverá crescer no Brasil e na América Latina, chegando a 430 mil carros na região e 300 mil no país, mas ainda assim não será suficiente para fechar o ano no azul. "É impossível lucrar no mercado de hoje. Todo mundo perderá dinheiro neste ano", lamentou o chefão na entrevista. A linha de SUVs é a que deve audar a Volkswagen a voltar para a liderança. Enquanto a Fiat não tem nenhum representante e a Chevrolet fica limitada a Tracker e Equinox vindos do México, a Volkswagen deve aproveitar a brecha para crescer. Powels confirmou que T-Cross e T-Roc serão produzidos na América Latina. O T-Cross inclusive já foi confirmado para ser produzido na fábrica de São José dos Pinhais (PR), enquanto o T-Roc ainda é dúvida. O T-Roc deve competir diretamente com o Jeep Compass Flex, enquanto o Tigual Allspace deve competir com Mitsubishi Outlander, Honda CR-V, Hyundai New Tucson, entre outros.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Reestilizada, Chevrolet Spin é flagrada sem camuflagem, em cegonha, a caminho da Argentina

Depois de dois anos ausente, SsangYong Korando volta reestilizado por R$129.900

Ford confirma lançamento do Ka em julho com preço inicial de R$45.490, R$710 mais caro

Nova geração do Fiat Ducato já é vendido com descontos que chegam a R$21.307

Volvo inicia pré-venda da nova geração da V60, em versão única, por R$199.950

Jeep confirma SUV de 7 lugares e um SUV abaixo do Renegade para a América Latina

Fora do Brasil desde 2014, Volkswagen apresenta nova geração do Bora na China

Honda revela nova geração do Brio em agosto, durante o Salão do Automóvel da Indonésia

Jeep Renegade ganha teaser e estreia motores 1.0 e 1.3 Turbo na Europa

Fiat "acorda pra vida" e deve ter três SUVs no mercado brasileiro até 2022, segundo plano