terça-feira, junho 20, 2017

Toyota deve trazer compactos com plataforma TNGA até final de 2018 para as fábricas de Sorocaba e Indaiatuba


A Toyota parece que está decidida a desenvolver quase todos os seus automóveis sobre a base TNGA. Em 2012 a empresa confirmou que a fábrica de Sorocaba (SP), que atualmente produz o Etios, poderia chegar a 400.000 unidades por ano até 2020, ou seja, desde então a Toyota já tinha planos de expandir a fábrica com novos modelos. Na época, o Yaris e um SUV eram dados como certo para fazer a companhia de Etios e Etios Sedan. Mas parece que finalmente a promessa deve se concretizar. A Toyota ainda nega, mas duas fontes (Autoo e Autos Segredos, ultra-confiáveis quando o assunto é segredo) confirmam que a fábrica deve receber os modelos possivelmente em 2018. Segundo o site Autos Segredos, o Yaris deve ser feito em Indaiatuba (SP) com plataforma modular TNGA e segundo o site a Toyota trabalha nos projetos 230B (sedã) e 231B (hatch), que devem usar o mesmo conjunto 1.8 16v Flex do Corolla com 144/139cv de potência com torque de 18,6/17,7kgfm, acoplado com câmbio manual de 5 marchas ou automático CVT, deixando o sedã médio apenas com motor 2.0 Flex e matando as versão PcD de vez. Ao que tudo indica, a Toyota também deve investir na fábrica de Indaiatuba (SP), para sua expansão. A aposta é que o Yaris será o modelo a introduzir a plataforma TNGA no Brasil. E que ela será usada tanto em Indaiatuba quanto em Sorocaba. Com isso, ela abrirá caminho para a nova geração do Corolla, mas também para um produto que é fundamental para ampliar as vendas da Toyota por aqui: o C-HR. Além disso, a Toyota resolve o buraco entre Etios e Corolla e todos os modelos produzidos no Brasil teriam plataforma TNGA. Sabe-se também que a Toyota já desenvolve a nova geração do Etios, que deve ganhar um design bem mais harmonioso que o modelo atual e com um interior bem mais convencional.


Fonte: Autos Segredos e Autoo

Nenhum comentário:

Postar um comentário