quarta-feira, junho 21, 2017

Cadillac apresenta novo XTS, que recebe face-lift de meia-vida nos EUA e traz mais tecnologia


A Cadillac está apresentando nos EUA uma grande "reforma" no XTS, um dos maiores sedãs atualmente a venda com logo da Cadillac. O modelo recebeu o mesmo face-family da marca norte-americana e ainda traz mudanças no chassi, adotando linhas que lembram muito o CT6. Em relação ao modelo anterior, o XTS ganha novos faróis, nova grade dianteira, novo capô, novo para-choque dianteiro e traseiro, novas rodas de liga leve, nova tampa do porta-malas, novas lanternas que se interligam, entre outras novidades. No interior, as mudanças ficam por conta de mudanças mais sutis, como no acabamento, nova central multimídia, novo volante e padronagem do painel e bancos. Há ainda novas rodas, disponíveis em 19 e 20 polegadas, além da suspensão Magnetic Ride Control e o sistema Rear Air Leveling. Na mecânica, o sedã será oferecido com conjuntos 3.4 V6 que desenvolve 308cv de potência acoplado ao câmbio automático de 6 velocidades ou o 3.4 V6 Turbo que entrega 415cv de potência. Em relação ao equipamento, o Cadillac XTS 2018 recebe novas cores e opções de personalização, com algumas exclusivas do novo nível de acabamento Platinum V-Sport, assim como mais material isolante para a cabine e novos bancos, com uma estrutura redesenhada, sendo mais macios e confortáveis. Entre os itens de série oferece sistema Super Cruise de assistência à condução que estreará em breve no CT6, e provavelmente nem contará, no entanto, a Cadillac melhorou o equipamento do XTS com novos sistemas de segurança, como a frenagem automática de emergência em baixa velocidade, controle de cruzeiro adaptativo, alerta de mudança de faixa e o sistema de alerta de ponto cego, entre outros. Com seus 5,10 metros de comprimento e 2,80 metros de entre-eixos, o XTS traz uma nova central multimídia de 8" com navegador GPS, que dispõe de uma interface mais intuitiva e personalizável, e que conta com os últimos aplicativos e funcionalidades desenvolvidas pela General Motors.



Nenhum comentário:

Postar um comentário