NEVS está pronta para produzir sedã elétrico baseado no Saab 9-3, que deve servir a "Uber chinês"


A NEVS, que comprou os direitos de produção do Saab 9-3, está próximo de retornar à vida como um elétrico, mas não com a marca Saab. A empresa firmou parceria recentemente com a Panda New Energy, que fornece um serviço semelhante ao do Uber. O acordo é bilionário e prevê milhares de unidades do ex-Saab 9-3. Visualmente, o sedã terá uma grade renovada, mas não terá o grifo, símbolo da marca sueca, pois o grupo nórdico retirou os direitos de imagem da NEVS, o que indica de vez, o fim da marca no mundo automotivo. Pouco se sabe sobre o Saab 9-3 Electric, mas sua autonomia deve ficar na casa dos 300km. O sedã será uma forma da NEVS captar dinheiro em operações na China, onde percebeu que é de seu interesse lançar uma linha de quatro modelos elétricos feitos sobre a plataforma Phoenix. Com isso o consórcio cedeu direitos técnicos para um grupo turco, que deve desenvolver um carro para o mercado local.


Fonte: Foro Coches Elétricos

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Marco do seu renascimento, Chery lança Tiggo2 no Brasil por R$59.990 iniciais

BMW lança oficialmente a nova geração do X3, em duas versões, e parte de R$309.950

Ford Fusion deve ser reestilizado ainda em 2018 no Brasil e gama de motores vira questionamento

Citroën lança reestilizado C4 Lounge por R$93.920 iniciais, que recebe upgrade e downgrade

Depois de tanta espera, Ford lança oficialmente o Mustang GT no Brasil por R$299.990

Peugeot lança o 5008 no mercado brasileiro em duas versões e preços que começam em R$157.490

Nissan confirma desenvolver March emergente, com a mesma plataforma V do Kicks

Porsche revela as primeiras imagens do Cayenne Hybrid, em testes finais na África do Sul

Maserati apresenta o Levante Trofeo no Salão de Nova York, com motor V8 de 598cv

Querendo quebrar a hegemonia do trio premium, Volvo lança XC40 no Brasil por R$169.950