segunda-feira, maio 15, 2017

Fiat deve lançar motores FireFly 1.0 e 1.3 Turbo em 2019 segundo jornal, com até 160cv de potência


A Fiat está sim desenvolvimento as versões turbo dos motores FireFly não só para o Brasil mas também para a Europa. Os novos motores devem fazer sua estreia dentro de dois anos segundo uma fonte da marca ligada ao Jornal do Carro. A chegada das versões turbo do 1.0 6v Turbo Flex (no caso do Turbo deve ter um retrabalho para ser 12v) e do 1.3 8v GSE Flex (que pode virar 16v com Turbo). Esses motores devem significar e muito para o grupo ítalo-americano, porque deve chegar a novos automóveis. Começando pelo 1.0 12v FireFly Flex, ele deve contar com Turbo e poder desenvolver até 120cv de potência com torque próximo dos 20kgfm, que pode ser oferecido no Mobi, no Uno e no Argo. No caso do Mobi com esse motor, ele deve disputar mercado com Volkswagen up! TSi, enquanto o motor tem pique para competir com o 1.0 12v Turbo da Hyundai e da Ford. Pode ter uma versão mais simples, com cerca de 95cv de potência, que substituiria o 1.4 na Europa. Além disso pode também estar disponível para o sedã do Argo, que estreia em 2018. Mas é o 1.3 "16v" FireFly que pode ser encontrado em mais automóveis. Com o uso do Turbo, o motor pode chegar aos 140cv, 150cv ou 160cv até com certa facilidade e seria a melhor escolha para substituir o 1.8 16v EtorQ Flex no caso do Jeep Renegade e da Fiat Toro. Além de consumir menos, teria mais torque em baixas rotações, o que acabaria com a "anemia" da dupla. O motor 1.3 pode estar disponível para o face-lift de Renegade e Toro no Brasil, que deve acontecer dentro de dois a três anos, quando esse motor já estiver disponível para o mercado. Além deles, esse motor pode ser usado no Argo Sporting, como substituto do 1.8 também.



Fonte: Jornal do Carro

Nenhum comentário:

Postar um comentário