quarta-feira, maio 24, 2017

Chery Tiggo2 começa a ser produzido na fábrica de Jacareí (SP) e deve ser lançado até Julho


A Chery já produziu a primeira unidade do Tiggo2 na fábrica de Jacareí (SP). O modelo deve ser lançado entre Junho a Julho e as primeira unidades começam a ser produzidas. Tido como o salvador da pátria da marca chinesa, o Tiggo2 substitui o Tiggo3 FL vendido até então e dá início a início a nova fase de utilitários esportivos da marca, que ainda deve contar com Tiggo7 e Tiggo4 até 2019. Prova do início da produção é as duas imagens de funcionários escrevendo seu nome na primeira unidade produzida, assim como aconteceu com o Celer. Fruto de um investimento de US$430 milhões, a fábrica de Jacareí (SP) deve ser a unidade de produção do Tiggo2 para abastecer a América do Sul. Derivado do Celer Hatch, o Tiggo2 será o SUV mais em conta da Chery, para combater no segmento de SUVs SubCompactos. O utilitário esportivo ganhou suspensão elevada, novos para-lamas, além de dianteira e traseira redesenhadas. O resultado final é um visual bem mais encorpado, fazendo jus ao estilo crossover. Com visual diferente, o modelo ainda compartilhará com o compacto vários itens, inclusive portas, teto e colunas. A frente já adota a nova identidade visual da marca, com grade em formato tridimensional, faróis com LEDs diurnos e para-choques robusto. Visto de lado ainda lembra o Celer, mas possui rodas de liga leve aro 17″, molduras plásticas nas caixas de rodas e rack de teto. No Brasil, o Tiggo2 deve usar o mesmo motor do Celer, o 1.5 16v Flex que desenvolve 113/108cv, com preços entre R$55.000 a R$65.000. Em Agosto de 2017 é esperado o inédito Arrizo3, um sedã compacto premium que deve usar o mesmo 1.5 16v Flex do Celer Sedan. Ele mede 4,48 metros de comprimento, 2,57 metros de entre-eixos, 1,75m de largura e 1,49m de altura. Ele deve ser equipado com câmbio manual de 5 marchas ou automático CVT e terá como itens de série central multimídia com navegador, airbag duplo, ar condicionado, rodas de liga leve, faróis de neblina, sensor de estacionamento, entre outros. Seus preços devem ficar entre R$60.000 a R$70.000.



Fotos: Instagram

Nenhum comentário:

Postar um comentário