terça-feira, abril 18, 2017

Cadillac CT6 deve trazer condução autônoma Super Cruise a partir do segundo semestre de 2017


A Cadillac prepara o lançamento de mais uma novidade para a linha 2018 do CT6. A partir do segundo semestre deste ano a Cadillac deve oferecer o sedã com condução autônoma nos EUA e Canadá. Chamado de Super Cruise, o sistema é considerado a primeira tecnologia de condução autônoma da indústria automotiva e é uma forma da GM responder a altura a concorrente Tesla. “O Super Cruise é uma tecnologia mais avançada de condução autônoma em termos de capacidade, integração e validação, focada exclusivamente na conveniência e segurança do cliente”, disse o presidente da Cadillac, Johan de Nysschen. “A filosofia da Cadillac é elevar a condução. O Super Cruise permite uma condução simples e segura na rodovia”. O sistema possui dois recursos avançados, sendo um de atenção ao condutor e outro de dados de mapa LiDAR. Entre os itens, há uma câmera situada no topo da coluna de direção, que focaliza exclusivamente no condutor e, com a ajuda de luzes infravermelhas, segue a posição principal da pista a fim de determinar onde o motorista está olhando quando o Super Cruise está ativado. Caso o sistema detectar que o motorista desviou a atenção por alguns instantes, ele vai emitir diversos alertas visuais, táteis e audíveis, até que o motorista assuma o controle do carro novamente. Caso o condutor não demonstre nenhuma reação, o sistema promove uma frenagem controlada do veículo e ativa o OnStar para entrar em contato com os primeiros socorros, caso necessário. O Super Cruise é a primeira tecnologia de condução autônoma a usar dados de mapa LiDAR, câmeras de bordo, GPS e outros sensores. O banco de dados LiDAR permite um maior controle sobre quando e onde o sistema entrará em funcionamento –apenas em rodovias de acesso limitado.



Nenhum comentário:

Postar um comentário