sexta-feira, março 17, 2017

Volkswagen Saveiro reestilizado foi apresentada há um ano com um design interno aperfeiçoado


Apresentada há um ano, o face-lift da Volkswagen Saveiro foi o último a ser apresentado na família Gol. O face-lift marcou o início do desvinculamento da família Gol ao trazer um design diferenciado. A picape ganhou ares mais robustos e com design diferente ao que é visto por Gol e Voyage. Além disso a picape ganha um novo interior e finalmente ajustes tão esperados na suspensão. Como diferenciais no segmento, a VW destaca que a nova Saveiro é a primeira de sua categoria a oferecer controles eletrônicos de estabilidade (ESC) e de tração (ASR), freios ABS com função off-road e assistente de partida em rampa (hill hold), embora limitados à versão topo de gama. Destaque para os freios a disco na quatro rodas com ABS, EBD e ESS (alerta de frenagem de emergência) em todas as versões, exclusividade no segmento. Produzida em São Bernado do Campo (SP), a nova Saveiro chega ao mercado com três opções de carroceria, quatro versões e duas opções de motorização. O conjunto mecânico permanece sem alterações, mas atendendo a um pedido dos consumidores, a Volkswagen ampliou a distância do solo de 166mm para 198mm com elevação da suspensão e uso de pneus mais altos (205/60 R15). A Volkswagen mudou capô, para-lama dianteiro, grade maior, novo para-choque, novas molduras dos faróis de neblina, novos faróis de neblina, novos faróis com LEDs diurnos, entre outros. A picape se inspira na Amarok e no Tiguan para se tornar mais agressiva. A entrada de ar inferior também está maior, assim como a grade dianteira. Os apliques laterais mudaram um pouco e deram um ar de novidade quando vista de perfil. Na traseira, mais novidades: entre elas a lanterna, que muda pela primeira vez desde 2009 e passa a adotar LEDs e nova disposição de luzes, além do novo para-choque traseiro, além da nova tampa da caçamba com linhas mais retas. Na gama de motores, a Saveiro manteve o 1.6 8v Flex que desenvolve 104/101cv de potência que desenvolve 15,3/15,1kgfm de torque, com cambio manual de 5 marchas. Já a topo de linha também conta com o mesmo conjunto mecânica, o 1.6 16v MSi Flex que desenvolve 120/110cv de potência com torque de 16,8/15,8kgfm, acoplado a um câmbio manual de 6 marchas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário