quinta-feira, março 09, 2017

Volkswagen revela novo sedã Virtus no Salão de Genebra e confirma novo modelo no Brasil em 2018


A Volkswagen apresentou no Salão do Automóvel de Genebra os seus futuros modelos. Apresentados como "vetor", o sedã compacto deve se posicionar entre o Voyage e o Jetta e foi confirmado para o Brasil muito em breve. Faz algum tempo que a Volkswagen namora a ideia de ter um sedã entre o Voyage e o Jetta, ocupando a vaga deixado pelo Polo Sedan. Segundo Herbert Diess (presidente do conselho de administração da Volkswagen), o que revela o peso e a importância dada ao lançamento. Nas palavras do executivo, o Virtus será "nosso primeiro produto MQB para o Brasil feito para recuperar força na região". Com a revelação, o executivo enterra as chances de ser uma nova geração de Gol e Voyage com a plataforma MQB-A0 e sim a volta de Polo e o sedã com nome Virtus. Todos os modelos serão revelados ainda em 2017, junto a Polo e a versão de produção do T-Cross. Ele deve ser lançado no Brasil em 2018. A imagem do Polo, acima, mostra o parentesco entre o Polo e o Virtus. O sedã será um projeto inteiramente novo e, portanto, sem qualquer relação com o Santana ou outro carro já existente, como se cogitou anos atrás. A data de estreia não foi confirmada, mas, nas entrelinhas, Diess deixa claro que o Virtus chegará primeiro que o Polo, abrindo caminho para a volta deste compacto premium ao mercado. O início do plano de reestruturação, que contará com Virtus, Polo, novo Gol, novo Voyage, T-Cross, a inédita picape e possivelmente uma nova geração da Saveiro até meados de 2022.


Nenhum comentário:

Postar um comentário