Subaru oferece taxa zero de financimento para Forester, WRX e Legacy até 20 de Março no Brasil


Até o próximo dia 20, a Subaru está apresentando condições especiais para Forester XT Turbo, WRX e Legacy no Brasil. A marca está facilitando o pagamento de alguns modelos, especialmente financiamento com taxa de zero de juros em até 36 meses. Os interessados no Legacy poderão pagar a vista os R$137.600 dando 60% de entrada como entrada e dividindo o restante em 24 prestações de R$2.421. O sedã conta com motor 3.6 V6 que desenvolve 256cv de potência acoplado ao câmbio automático de 6 velocidades. Se o cliente estiver interessado em um Forester XT Turbo, ano/modelo 2015/2016, o valor à vista é de R$153.700. Esse modelo, equipado com motor Boxer 2.0 Turbo de 240cv, câmbio CVT e tração integral, também conta com financiamento com entrada de 60%, porém o restante pode ser dividido em mais vezes: 36 parcelas de R$1.803. Quem estiver interessado no WRX, deve desembolsar R$142.700 a vista ou 60% do valor e saldo em 36 vezes de R$1.676. O WRX traz o mesmo motor da Forester Turbo, porém modificado para entregar 270cv e também conta com transmissão CVT, que simula oito marchas virtuais. A tração é integral. A promoção vale para os próximos dez dias.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Versão de maior sucesso do sedã francês da Citroën, C4 Lounge Live esgota em dois meses

Picape do Fiat Mobi inicia bateria de testes e deve ser lançada em meados de 2019

Citroën C5 AirCross é registrado no INPI e pode indicar importação do SUV para o Brasil

Mercedes-Benz Classe A Sedan estreia na China durante Salão de Pequim como "mini-C"

Reestilizado, Chevrolet Cruze já roda em testes no Brasil e deve ser lançado em 2019

Toyota confirma Corolla Hybrid e C-HR elétrico para 2019 na China, parte da sua estratégia

Face-lift de Renault Sandero e Logan é adiado para o primeiro semestre de 2019

Volkswagen Golf reestilizado pode atrasar, de novo, e ficar para meados do segundo semestre

Mercedes-Benz começa a produzir o novo Classe A na fábrica de Rastatt, na Alemanha

Segundo jornal, Chery e CAOA podem desenvolver carro específico para Brasil