terça-feira, março 21, 2017

Ford Fiesta reestilizado vem no final do ano, nas carrocerias hatch e sedã, com novidades sutis


Com lançamento marcada apenas para meados de 2019 no Brasil, a nova geração do Fiesta deve demorar um pouco. Para tentar reanimar as vendas do Fiesta, a Ford deve apresentar um face-lift pequeno para o hatch e o sedã. Fabricado em São Bernardo do Campo (SP), o Fiesta deve receber as novidades no último trimestre de 2016, entre os meses de Outubro a Dezembro. Entre as novidades, ele deve trazer novos para-choques, faróis mais estreitos, novas rodas de liga leve e novo layout das lanternas. No interior, não são esperadas grandes novidades para o Fiesta. Deve mudar apenas o revestimento dos bancos. Alterações mecânicas também não são esperadas, mas podem surpreender caso aparecerem. O pequeno tapa no visual deve oferecer o motor 1.0 12v EcoBoost para mais versões e com chances de estrear no Fiesta Sedan, com grandes chances de passar a ser produzido em São Bernardo do Campo (SP) ao lado do hatch. O motor 1.0 deve ser estendido para as versões SE e SEL e não apenas para a Titanium como é atualmente. Além disso, a Ford pode trazer uma central multimídia Sync 3 de última geração no interior, o que significa mudanças na conectividade. As versões mais em conta passarão a ser vendidos com motor 1.5 12v Dragon Flex no lugar do 1.6 16v Flex, enquanto o câmbio automático não será mais o PowerShift que conhecemos, mas sim um câmbio automático convencional, com conversor de torque e 6 velocidades.


Nenhum comentário:

Postar um comentário