quarta-feira, março 08, 2017

Alpine apresenta oficialmente o A110 no Salão do Automóvel de Genebra, que resgata clássico dos anos 60


A Alpine enfim apresentou o coupé A110 no Salão do Automóvel de Genebra. O design fala por si só e não esconde inspiração no clássico e no conceito. Apesar daquele ar retrô, o A110 conta com aspecto moderno. Construído sobre uma plataforma de alumínio, ele conta com assoalho plano e difusor traseiro para melhorar a aerodinâmica sem precisar de um aerofólio. A construção moderna também ajudou o cupê de tração traseira a ter peso pluma, sendo pouco acima de 1.000kg. No interior, destaque para bancos esportivos em fibra de carbono, pedais de alumínio, sistema de som Focal, acabamento em couro personalizado, console elevado e com elemento vazado, botões de marcha, volante esportivo com botão Sport, cluster analógico e multimídia com dados de performance, entretenimento e navegação. Inspirado no clássico dos anos 60, o A110 terá 1.955 unidades produzidas em série especial, com preço de 58.500 euros. Fabricado em Dieppe, França, o Alpine A110 chega com estilo inspirado no passado, com pinças de freio são azuis e os discos têm 320 mm de diâmetro. A suspensão é de braços duplos nas quatro rodas. Com coeficiente aerodinâmico de 0,32 e rodas esportivas aro 18 polegadas Otto Fuchs com pneus 205/40 R18 na frente e 235/40 R18 atrás, o Alpine A110 pesa apenas 1.080kg (44% na frente e 56% arás), medindo 4,17 metros de comprimento, 1,79 metro de largura, 1,25 metro de altura e 2,42 metros de entre eixos. O porta-malas tem somente 100 litros. O cupê esportivo vem com três opções de cores: Alpine Blue, Noir Profond ou Blanc Solaire. Entre as opção de motor, existe o 1.8 Turbo que desenvolve 252cv de potência com 32,5kgfm de torque, acoplado ao câmbio automático de dupla embreagem e 7 velocidades. Acelera de 0 a 100km/h em 4,5 segundos e atinge a velocidade máxima de 250km/h, limitada eletronicamente. Há ainda os modos de condução: Normal, Sport e Track. O tanque de combustível é de apenas 45 litros e o consumo médio é de 16,1km/l.



Nenhum comentário:

Postar um comentário