sábado, fevereiro 04, 2017

Rolls-Royce produz a última unidade do Phantom no Reino Unido depois de 13 anos em produção


A Rolls-Royce finalizou a produção de um dos seus modelos mais vendidos e históricos: o Phanton. Esperando sua oitava geração, o Phanton de sétima geração deixou de ser produzido na fábrica no Reino Unido. A última unidade foi encomendada por um colecionador anônimo da marca e conta com chassi longo com 250mm mais comprido, alcançando 6,09 metros. O Phantom VII Final Edition foi construído com interior inspirado nos navios de passageiros dos anos 1930, incluindo relógios alusivos ao mesmo tema. O motor é o 6.5 V12 que desenvolve 460cv de potência e 73,2kgfm. Com esse conjunto ele acelera de 0 a 100km/h em 6,1 segundos e atinge os 240km/h. Depois de 13 anos em produção, a última unidade da sétima geração possui cor azul Velvet e o interior tem acabamento em tom claro. Há ilustrações de navios a valor na madeira do acabamento e de ondas em parte do couro dos bancos e portas. O relógio possui todas os fusos horários, bastando girar para selecionar a localização. O sucessor ainda não está pronto e segue em testes na Europa. A oitava geração deve ser apresentada em 2018, um poucos antes da Roll apresentar o seu primeiro SUV, o Cullinan.



Nenhum comentário:

Postar um comentário