Renault Captur deve ganhar face-lift no Salão do Automóvel de Genebra, com base no modelo nacional


A Renault deve lançar no Salão de Genebra o face-lift do Captur europeu, que deve se inspirar no modelo brasileiro/russo. Lançado em 2013 na Europa, o utilitário esportivo de porte compacto francês deve passar a ter novos faróis com LEDs, novos faróis de neblina com LEDs diurnos, novo para-choque dianteiro e traseiro, lanterna traseira com LEDs, além de novas rodas de liga leve. No interior, destaque para o acabamento personalizado dos assentos, que se harmonizam com as tonalidades exteriores, que somam 13 combinações, incluindo 9 combinações em biton. Em 2016 foram vendidos 70.769 unidades do Captur na França, que deu a quarta colocação no seu segmento. Na Europa ele usa os motores 0.9 12v Turbo que desenvolve 90cv de potência e 15,4kgfm de potência e o 1.2 12v Turbo que entrega 120cv de potência, além do motor 1.5 dCi que desenvolve 90cv ou 110cv de potência, acoplado ao câmbio manual de 6 marchas ou automático. Em comunicado, a Renault diz que a nova linha do utilitário-esportivo compacto contará com “estilo mais distintivo e novas tecnologias”. Espera-se que o carro receba leves retoques nos faróis, grade dianteira, para-choques, rodas e lanternas, além de melhorias no interior.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Versão de maior sucesso do sedã francês da Citroën, C4 Lounge Live esgota em dois meses

Picape do Fiat Mobi inicia bateria de testes e deve ser lançada em meados de 2019

Citroën C5 AirCross é registrado no INPI e pode indicar importação do SUV para o Brasil

Mercedes-Benz Classe A Sedan estreia na China durante Salão de Pequim como "mini-C"

Reestilizado, Chevrolet Cruze já roda em testes no Brasil e deve ser lançado em 2019

Toyota confirma Corolla Hybrid e C-HR elétrico para 2019 na China, parte da sua estratégia

Face-lift de Renault Sandero e Logan é adiado para o primeiro semestre de 2019

Volkswagen Golf reestilizado pode atrasar, de novo, e ficar para meados do segundo semestre

Mercedes-Benz começa a produzir o novo Classe A na fábrica de Rastatt, na Alemanha

Segundo jornal, Chery e CAOA podem desenvolver carro específico para Brasil