quinta-feira, fevereiro 02, 2017

Previsto para o Brasil no 2º semestre, novo Kia Rio começa a ser produzido e é lançado no México


A quarta geração do Kia Rio começou a ser produzido no México. Revelado no Salão do Automóvel de Paris de 2016, o hatch compacto premium passa a ser produzido em território mexicano ao lado do Cerato na fábrica de Pesquería, estado de Nuevo León. Segundo a imprensa local, o Rio passa a ser produzido em seis versões sempre com motor 1.6 16v a gasolina que desenvolve 121cv de potência (o mesmo motor usado pelo Cerato e que aqui será Flex com 128/122cv) acoplado ao câmbio manual ou automático de 6 velocidades. A nova geração passa a ter 4,06 metros de comprimento (ganho de 15mm no comprimento e 5mm na largura) em relação ao modelo anterior, enquanto o entre-eixos passa a ser de 2,58 metros (1mm a mais). Projetado em parceria com os centros de design da Coréia do Sul, EUA e Alemanha, o Rio está mais ocidental e traz a  evolução da grade frontal tiger nose e conta com para-choques mais agressivos, faróis de LEDs com assinatura em forma de “U” e na traseira, lanternas maiores. O interior ganha fica mais “clean” e moderno, com destaque para a tela multimídia flutuante de alta resolução, comandos circulares e maior percepção de qualidade. Dependendo da versão, pode receber revestimentos em couro, apliques em preto brilhante ou imitando alumínio. No México ele começa a ser vendido com preços entre 203.900 a 239.900 pesos (cerca de R$30.600 a R$44.100) e desde a versão de entrada oferece seis airbags, controle de estabilidade, assistente de partida em rampas e freios a disco nas quatro rodas. No Brasil ele desembarca no segundo semestre de 2017.


Nenhum comentário:

Postar um comentário