sexta-feira, fevereiro 03, 2017

McLaren fecha acordo com BMW e outros parceiros para desenvolver motores de nova geração


A McLaren anunciou nessa semana uma parceria com a BMW para desenvolver uma nova geração de motores. Considerado um plano estratégico parcialmente financiado pelo governo do Reino Unido por meio do Advanced Propulsion Center (APC), o plano conta com mais parceiros. Em busca da eficiência energética, o projeto deve resultar no lançamento de um propulsor de maior rendimento e menor consumo de combustível. Com isso, o número de emissões de poluentes também deve ser menor. A McLaren naturalmente lidera a empreitada, mas conta com a participação de pelo menos seis parceiros: BMW, Grainger, Worrall, Lentus Composites e a Universidade de Bath. “Estamos jogando com os pontos fortes de todos os nossos parceiros e continuaremos a projetar nossos motores de forma independente”, disse Mike Flewitt, executivo da empresa. A marca já levou para casa o prêmio de Motor do Ano, entre outros títulos relacionado à mecânica. Ainda não se tem notícias mais detalhadas sobre o novo motor, mas ele pode substituir o 3.8 V8 twinturbo futuramente.


Nenhum comentário:

Postar um comentário