Com estreia no Salão do Automóvel de Genebra, Tamo deve investir em inovação e baixo custo


Prevista para estrear no Salão do Automóvel de Genebra, a submarca da Tata, a Tamo, deve fazer sua estreia. A marca deve focar em mais tecnologias, modelos de negócios e parcerias para definir futuras soluções de mobilidade. O primeiro modelo da Tamo deve ter lançado no dia 07 de Março. O primeiro automóvel da Tamo será um esportivo compacto. Em teaser do modelo coberto, alguns detalhes acabaram vazando tais como sua motorização. Se antes se cogitava um motor elétrico, espere pelo motor 1.2 BiTurbo que vai desenvolver 182cv de potência. Possivelmente ele deve ter seu desenvolvimento sobre o Revotron 1.2. Esportivo de dois lugares, ele tem grandes chances de ser chamado de Tamo Futuro e deve ter plataforma modular X1, anunciada pela Tata. Acredita-se que ele tenha cerca de 800kg, o que sem dúvida favoreceria seu bom desempenho aliado ao motor 1.2. A plataforma ainda deve ser 170kg mais leve que as arquiteturas equivalentemente usadas hoje e está sendo projetada para sustentar até oito modelos diferentes. Ela será formada por 15 módulos individuais e terá índice superior a 80% no compartilhamento de peças entre os modelos que a usarem. A Tata diz que ele terá baixo volume, baixo custo de produção e plataforma de arquitetura aberta para uso de startups e empresas terceirizadas.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Versão de maior sucesso do sedã francês da Citroën, C4 Lounge Live esgota em dois meses

Picape do Fiat Mobi inicia bateria de testes e deve ser lançada em meados de 2019

Citroën C5 AirCross é registrado no INPI e pode indicar importação do SUV para o Brasil

Mercedes-Benz Classe A Sedan estreia na China durante Salão de Pequim como "mini-C"

Reestilizado, Chevrolet Cruze já roda em testes no Brasil e deve ser lançado em 2019

Toyota confirma Corolla Hybrid e C-HR elétrico para 2019 na China, parte da sua estratégia

Face-lift de Renault Sandero e Logan é adiado para o primeiro semestre de 2019

Volkswagen Golf reestilizado pode atrasar, de novo, e ficar para meados do segundo semestre

Mercedes-Benz começa a produzir o novo Classe A na fábrica de Rastatt, na Alemanha

Segundo jornal, Chery e CAOA podem desenvolver carro específico para Brasil