Volkswagen apresenta oficialmente o Tiguan Allspace no Salão de Detroit, que chega ao Brasil em breve


A Volkswagen está apresentando a segunda geração do Tiguan para os norte-americanos. Por lá, o SUV Médio da Volkswagen deve ser vendido na carroceria de sete lugares, chamada por lá de Tiguan Allspace. Destaque da alemã no Salão do Automóvel de Detroit para competir com Toyota RAV4 e Honda CR-V, o Tiguan Allspace conta com a plataforma MQB e seu entre-eixos é 11 centímetros a mais que o modelo europeu. Com isso ele chega a 2,79 metros de entre-eixos, recebendo uma terceira fila de bancos, que a Volkswagen chama de 5+2, provavelmente para reforçar a ideia de que o Tiguan Allspace tem carisma esportivo. O nome Allspace não será usado nos EUA, apesar de o modelo ter sido apresentado por lá. Isso porque o Tiguan parrudo será o único a ser oferecido naquele país, assim como na América do Sul, segundo o release oficial da marca. No Brasil, o Allspace deve ser lançado antes, já entre o final de 2017 e o início de 2018, vindo do México, convivendo com o atual Tiguan 1.4 TSi até a produção da primeira geração ser encerrada definitivamente, quando a carroceria de cinco lugares deve pintar no Brasil. O Tiguan de 7 lugares conta com 4,70 metros de comprimento e 6cm a mais de espaço para os joelhos no banco traseiro e 115 litros a mais no porta-malas.


Se o modelo normal conta com 615 litros no porta-malas, a carroceria de sete lugares conta com 730 litros, sem a terceira fileira de bancos. Com a terceira e segunda fileira de bancos rebatidos, o espaço é de amplos 1.770 litros. O Allspace será vendido em três versões na Europa (Trendline, Comfortline and Highline), com tração dianteira ou nas quatro rodas, e 3 motores diesel e 3 a gasolina. Serão eles: os a gasolina 1.5 TSi de 150cv, o 1.8 TSi de 180cv e o 2.0 TSi de 220cv, além dos a diesel 1.5 TDi de 150cv, 1.8 TDi de 190cv e o 2.0 TDi de 240cv. Nos modelos de 150 cv, o sistema 4MOTION Active Control é opcional. Nos demais, é item de série, assim como o câmbio DSG. Nos EUA, o Tiguan terá as versões S, SE, SEL e SEL Premium, com um motores só a gasolina de 180cv. A transmissão é uma automática convencional, de 6 velocidades Tiptronic. Essa provavelmente será a opção trazida para o Brasil, já que o modelo será fabricado no México. Entre os itens de série, o Tiguan Allspace conta com central multimídia com Android Auto, Apple CarPlay como opcionais e todos os sistemas de segurança atuais, como Lane Assist (assistente de mudança de faixa), Front Assist (que evita batidas dianteiras e monitora a presença de pedestres), ACC e Traffic Jam Assist, que conduz o carro sozinho no para e anda das grandes cidades.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Nova geração do Subaru XV Crosstrek chega com duas versões ao Brasil e parte de R$114.900

Alfa Romeo vê potencial de vender 10 mil unidades no Brasil e analisa retorno ao país

Sem novidades, BMW apresenta a linha 2019 do M140i com preço maior, por R$269.950

RAM 1000 ganha sinal verde para produção e deve ser lançada globalmente até 2022

MINI lança o reestilizado Cooper no Brasil, com preço inicial de R$119.990

Chevrolet estuda um novo utilitário esportivo para o Brasil e Suburban era uma das opções

Depois de dois anos ausente, SsangYong Korando volta reestilizado por R$129.900

TAC Stark retorna ao mercado renovado e com mais investimentos por R$115.000

Chevrolet revela dois teaser da Spin reestilizada, que será lançada dia 04 de julho

SsangYong lança Tivoli e Tivoli XLV no Brasil com preços que começam em R$84.900