quinta-feira, janeiro 05, 2017

Novo Hyundai Tucson deve trazer novamente versão Fuel Cell, que terá cerca de 560km de autonomia


Apresentado no final de 2014, a terceira geração do Hyundai Tucson deve receber novidades no ano que vem. Não, não é um face-lift (mas até pode ser, já que o SUV deve chegar a meia-vida). O utilitário esportivo de porte médio da sul-coreana deve voltar a oferecer a versão Fuel Cell, abastecida com hidrogênio. O SUV movido a células de combustível de hidrogênio deve ter como principal destaque, uma autonomia maior, segundo o site Autoblog. Em relação ao modelo oferecido até pouco tempo, o novo Tucson Fuel Cell deve ter um aumento de 30% na autonomia, ou seja, deve rodar 560km contra os 426km do modelo anterior. No entanto, apesar da autonomia maior, o Hyundai Tucson Fuel Cell 2018 não será o mais eficiente da categoria. A atual versão do Honda Clarity, que é equipado com a mesma tecnologia, consegue entregar autonomia de até 590km. O lançamento é esperado para Janeiro de 2018, ou seja, um ano. Segundo o diretor de desenvolvimento dos modelos ecológicos da Hyundai, Ahn Buyng-ki, o lançamento da nova versão do carro vai coincidir com os Jogos Olímpicos de Inverno na Coreia do Sul, oferecendo à marca um bom momento para apresentar sua nova tecnologia de célula de combustível. Ainda segundo o Autoblog, a perspectiva é que o modelo chegue às lojas dos Estados Unidos custando até US$50.000 (ou cerca de R$164.000 em conversão simples).


Fonte: Autoblog

Nenhum comentário:

Postar um comentário