sábado, janeiro 14, 2017

Citroën e Peugeot podem abandonar Jumper e Boxer por Jumpy e Expert na América do Sul


Com o fim da produção da Fiat Ducato em Sete Lagoas (MG), a PSA ainda não decidiu se segue com as veteranas Citroën Jumper e Peugeot Boxer, se aposta em suas novas gerações via México ou se produz Citroën Jumpy/SpaceTourer e Peugeot Expert/Traveller na América do Sul. Desenvolvidos com plataforma EMP2, eles podem ser produzidos na Argentina em El Palomar ou até mesmo no Brasil em Porto Real (RJ). As chances da PSA apostar nas novidades podem ser boas. Nesse segmento intermediário entre os segmento de Fiat Fiorino e Renault Master há apenas a Mercedes-Benz Vito, que tem vendas tímidas por ter preços elevados. Na Europa, a PSA oferece motor sempre a diesel, seja ele 1.6 BlueHDi que desenvolve 95cv, 115cv, ou 120cv ou o 2.0 BlueHDi que entrega 150cv ou 180cv, sempre com câmbio manual de 5 marchas e com opção de 4,60 metros de comprimento, 4,95 metros e 5,30 metros de comprimento. Na Citroën, as opções são chamadas de XS, M e XL, na ordem da menor para a maior, enquanto a Peugeot nomeia suas configurações de comprimento de carroceria como Compact, Standard e Long. Disponíveis em carrocerias que variam do furgão às vans de luxo – inclusive configuradas como escritórios executivos, com poltronas individuais – os novos veículos comerciais da PSA podem ter volume de carga de até 6,6 m³ e capacidade de transportar 1,4 toneladas. Na Europa, a lista de itens de série se destaca por ter câmara de ré, transmitida em uma tela de 7 polegadas localizada no centro do painel de instrumentos e capaz de mostrar um ângulo de 180°. No Brasil os preços ficariam entre R$90.000 a R$130.000. para ambas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário