sábado, dezembro 03, 2016

Nova geração da MINI Clubman comemora um ano de mercado brasileiro como maior MINI a venda


A nova geração do MINI Clubman parece que trouxe uma nova fase da MINI. Além de começar a produzir automóveis nem tão MINI assim, a marca se superou ainda mais com a nova geração do Countryman, lançada em dois meses. A station do Cooper chega ao mercado brasileiro em pouco mais de dois meses de fazer sua estreia no Salão do Automóvel de Frankfurt, na Alemanha no último mês de Setembro. Com 4,22 metros de comprimento, 1,84m de largura e 1,45m de altura, que resulta num crescimento de 26 milímetros no comprimento, 161mm mais larga e 24mm mais alta que a geração anterior. Vendida em duas versões e preços que partem de R$152.950 a chegam a R$179.950, a Clubman conta sempre com motor 2.0 16v Turbo que desenvolve 192cv de potência com torque de 28,5kgfm, acoplado a um câmbio automático de 8 velocidades. Com esse motor, a Clubman acelera de 0 a 100km/h em 7,1 segundos e velocidade máxima de 228km/h. Com a função Overboost pode alcançar 30,2kgfm de torque. Maior e mais bela, a nova geração da Clubman é produzida sobre a plataforma UKL1, de tração dianteira que pela primeira vez possibilitou que a Clubman tivesse 4 portas ao invés das tradicionais duas, como aconteceu nas últimas gerações, oferecendo maior espaço interno e facilidade no acesso à cabine. Atrás, o porta-malas acomoda entre 360 e 1.250 litros e mantém o sistema de abertura lateral dividida, característico da geração passada. Quem se mantém é a dupla porta do porta-malas, que abre em sentido oposto uma a outra. Entre os itens de série, a versão S oferece  estacionamento elétrico, bancos revestidos em couro, faróis Full LED, abertura das portas sem chave, head-up display, teto solar panorâmico, rodas de 18 polegadas, sistema de navegação com tela LCD de 8,8 polegadas, HD interno de 20 GB, MINI Connected (que permite o uso de apps de streaming de áudio, localização e monitoramento da condução) e MINI Connected XL Journey Mate (que oferece uma combinação de navegação, comunicação e infoentretenimento). A station tem vendido uma média de 8 a 15 exemplares por mês, vendendo até cinco vezes mais que vendia interiormente.


Nenhum comentário:

Postar um comentário