Volkswagen deve investir R$7 bilhões para Brasil até 2020, focado em novos produtos e renovação das fábricas


Apesar de estar sofrendo por conta do Dieselgate, a Volkswagen confirmou na semana passada que deve investir no Brasil, cerca de R$7 bilhões até 2020. O montante de dinheiro deve custear a modernização das principais fábricas da marca no país e a viabilização de novos automóveis. Todos devem ser produzidos sobre a nova plataforma modular MQB-A0, que deve ser a mesma dos novos Gol, Voyage, Saveiro e o futuro SUV Compacto, T-Cross. Novidade na gama Volkswagen, o utilitário terá visual inspirado no conceito T-Cross Breeze e brigará diretamente com Honda HR-V, Jeep Renegade, Hyundai Creta e companhia. Outra parte do investimento será direcionada às fábricas de São José dos Pinhais (PR) e Taubaté (SP).


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em meio a utilitários esportivos, Volkswagen lança Golf Variant reestilizada por R$102.990

Audi confirma lançamento do R8 V6 para o final do ano, junto com face-lift

Toyota apresenta o Yaris Hatch no Brasil com preços que começam em R$59.590

Mirando no VW Virtus e Honda City, Toyota Yaris Sedan chega ao Brasil por R$63.990

Fiat pode estrear motor 1.3 16v Turbo no Brasil em 2020, para versão aventureira do Argo

Nas mãos da PSA, Opel Zafira e Astra GTC devem sair de linha nos próximos meses

Volkswagen e Ford criam aliança global para desenvolver comerciais leves

Lada apresenta o Vesta Cross, seu sedã compacto com traços de utilitário esportivo

Fiat confirma nova geração da Strada para 2021, com opção de carroceria de 4 portas

Reestilizado, Jeep Renegade chega antes do Salão de São Paulo sem motores Turbo