Elektra confirma que irá trazer Tesla e estuda produzir no país com seus próprios automóveis no futuro


A Tesla parece ser a inspiração de muita marca elétrica que está começando agora. E parece sonho de "vida" até mesmo para importadoras. É o caso da Elektra, que atualmente começa a importar os automóveis da Tesla para o Brasil nos próximos dias. Importadora oficial no país, a Elektra Motors atualmente é uma imprensa multinacional que tem planos ambiciosos. De acordo com o site Automotive Business, a Elektra Motors tem um plano em “três passos” para a introdução definitiva do carro elétrico no mercado nacional. Inicialmente, a empresa começa com as vendas dos modelos da Tesla, sendo o Model S 70D o primeiro, começando por uma loja na Avenida Europa. A empresa já tem 15 pedidos na fábrica e mais dois veículos em transporte para o Brasil. O elétrico tem preços entre R$700.000 a R$785.000 no caso do Model S e cerca de R$850.000 para o Model X. Após a fase inicial de comercialização de veículos elétricos, a Elektra Motors estuda a implantação de tecnologias alternativas para geração e distribuição de energia. Por fim, a produção propriamente dita do carro elétrico no país. A empresa estima que em mais dois ou três anos iniciará a produção de veículos desse segmento no país, com automóveis próprios. Quem sabe teremos uma marca de automóveis elétricos brasileiras com boa visibilidade no exterior. Não seria má ideia.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Nova geração do Subaru XV Crosstrek chega com duas versões ao Brasil e parte de R$114.900

MINI lança o reestilizado Cooper no Brasil, com preço inicial de R$119.990

Alfa Romeo vê potencial de vender 10 mil unidades no Brasil e analisa retorno ao país

Depois de dois anos ausente, SsangYong Korando volta reestilizado por R$129.900

Sem novidades, BMW apresenta a linha 2019 do M140i com preço maior, por R$269.950

SsangYong lança Tivoli e Tivoli XLV no Brasil com preços que começam em R$84.900

Chevrolet revela dois teaser da Spin reestilizada, que será lançada dia 04 de julho

TAC Stark retorna ao mercado renovado e com mais investimentos por R$115.000

Chevrolet Spin reestilizada é flagrada sem nenhuma camuflagem por sites argentinos

RAM 1000 ganha sinal verde para produção e deve ser lançada globalmente até 2022